Não deixe a inflação acabar com seu estilo de vida

Overclub Falily Office

A grande quantidade de dinheiro que nosso governo gastou no alívio da pandemia levantou sérias preocupações com a inflação.

Mas agora que o país reabriu, a inflação do estilo de vida deve ser uma preocupação mais imediata para a maioria das pessoas.

Após um ano de quarentenas e lockdowns, férias canceladas e celebrações perdidas (eu que o diga, tive que remarcar algumas vezes meu casamento), estamos todos animados para aproveitar um pouco mais a vida. Muitos também fizeram a transição para carreiras novas e mais lucrativas ou estão enfrentando sobra no orçamento doméstico pelo fato de ficar mais em casa. Essas dicas ajudarão você a gerenciar seu entusiasmo e fluxo de dinheiro para que você não cause nenhum dano a longo prazo ao seu planejamento financeiro.

1. Revise as despesas atuais

Sempre que seu fluxo de caixa mudar é um bom momento para revisar seu orçamento – ou começar a fazer um.

Antes de se recompensar com novas despesas ou compras caras, dê uma olhada no que você já está gastando a cada mês. Com o dinheiro extra chegando, você pode ter mais facilidade para pagar por aquela academia que você nunca usa ou aquela moto que você nunca anda. Mas isso não significa que você deve continuar gastando dinheiro nessas coisas.

Talvez economizar em algumas áreas permita que você gaste mais dinheiro em coisas que você gostará mais, como algumas noites extras com sua esposa ou marido por mês ou uma viagem em família. Você se sentiria melhor com suas perspectivas financeiras de longo prazo se estivesse fazendo contribuições mensais maiores para sua carteira de investimento?

Lembre-se, manter um orçamento não é apenas reduzir. Trata-se de garantir que você está tirando o máximo proveito do seu dinheiro.

2. Faça as contas

Se mimar-se com uma nova TV ou férias que você perdeu durante a pandemia não vai atrapalhar seu orçamento ou aumentar suas contas de cartão de crédito, então, divirta-se.

Onde a inflação do estilo de vida pode realmente atingir com força é quando as pessoas simplesmente assumem que seu novo fluxo de caixa pode cobrir novas despesas repetidas, como refeições extras todas as semanas, cobranças mensais por algumas novas assinaturas de streaming ou pagamentos mensais mais altos em um carro novo.

Muitas vezes, quanto menos dramática a mudança de estilo de vida, menos a pessoa está ciente do excesso de dinheiro que está gastando. Eles podem não perceber o quão fora de controle seu orçamento de jantar se tornou até que o extrato do cartão de crédito chegue. Pagar um seguro um pouco mais alto em um carro novo pode não parecer grande coisa até você perceber que não está colocando tanto dinheiro em sua carteira de investimento quanto costumava.

Uma razão pela qual resistimos a processar os números em novas compras é que sabemos que os números podem dizer “Não” ou “Agora não”.

3. Apoie seu eu futuro

Falando em aposentadoria, o estilo de vida que desejamos em nossos anos dourados geralmente é a coisa mais distante em nossas mentes quando estamos pensando em instalar uma piscina no quintal ou reservar um cruzeiro no impulso do momento. Mas todas as decisões financeiras aparentemente pequenas que você toma hoje se somam e se acumulam ao longo do tempo.

Gastar muitas vezes leva a mais gastos. E se esses gastos tornam mais difícil para você investir o valor da sua meta todos os anos, as coisas que você compra podem estar colocando em risco a segurança de seu eu futuro” de 60, 70, 80 anos.

Antes de aumentar suas despesas de estilo de vida com base em seu novo fluxo de caixa mais alto, faça um planejamento financeiro para saber se o valor necessário de investimento anual para obter a sua renda passiva vitalícia desejada, não se comprometido pelo aumento dos gastos

Queremos que você tenha a melhor vida possível com o dinheiro que tem hoje, amanhã e no futuro.

Leia também: Aposente-se com intenção de obter o melhor “Return on Life”

Siga nosso Instagram: @overclubfamilyoffice

Siga nosso canal no Youtube

Compartilhe:

Publicado por

Walter Moreira Neto, CFP®

Graduado pela Macquarie University (Business) e Masters em International Business pelo International College of Management Sydney (ICMS), morou em Shanghai, China, onde concluiu sua tese "Real Estate in China" pela Fudan University.
Sócio-fundador do Overclub Family Office e Ryde Corretora de seguros, é Consultor de Valores Mobiliários autorizado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e Planejador Financeiro, CFP®️

Overclub Falily Office

Deixe um Comentário